Blog de Jardim

Foto de Jardim

levo comigo uma sílaba

levo comigo uma sílaba
por onde quer que ande,
new york, pequim, chernobyl,
em qualquer canção que cante.

Foto de Jardim

o que vivemos, o que sonhamos

o que vivemos, o que sonhamos
estão agora tão embaralhados
que já não sei em que acreditar.

Foto de Jardim

COMUNHÃO DE BENS

se quem ama perde o passo,
renuncia, se amar é desgoverno,
descompasso, é perder a vergonha
e o medo no escuro de um quarto,
é perder com um homem, tarde

Foto de Jardim

um dia

um dia
e mais outro dia.
a mesa posta,
os copos, talheres, o amor
de antes agora em algum
canto da casa escondido,
quem sabe talvez
em algum hotel

Foto de Jardim

MARILYN

já é tarde, dorme a loura
o seu sono sereno; sonham as mães
com seus pequenos, pedem a deus
que cresçam livres de todo mal.
NEMBUTAL! NEMBUTAL!

Foto de Jardim

o amor acaba

o amor acaba.
como um castelo
de cartas, um viaduto
que desaba.
só se percébe.
no sábado ao se acordar.
quando tudo silencia.
na praia.
no fim

Foto de Jardim

MARTA

nos olhos vermelhos de marta
as frases do seu discurso sem nexo,
a lembrança de que a vida é breve,
seu querer não querendo, seu sexo.

Páginas

Subscrever RSS - Blog de Jardim