Frases e Citações

joaninha

Foto de andre luiz couto

Uma joaninha
pousou sobre o meu peito
tão aventureira
a desbravar meus caminhos
fazendo trilhas
entre meus pêlos
até alçar vôo
e me deixar com cheiro de sorte

para uma amiga virtual joaninhavoa

Comentários

8
Foto de Joaninhavoa

«De Oriente a Ocidente
lanço perfume no ar
mas ao poisar em teu peito
Sustento arte de um balançar

E ao seduzir em poesia
e em beleza lanço magia
D`erótica com malícia
delícia das delicías»

Joaninhavoa
16/05/2010

Para meu amigo virtual andre luiz couto

Joaninhavoa

Foto de andre luiz couto

A sincronia de dois corpos que se envolvem como quem dança uma valsa em compasso de uma relação intima e cheia de sentimentos e desejos, que se mostram através dos olhos que entrelaçam como que marcando o compasso da melodia a dançar.
Dois corpos que representam dois mundos que se encontram com o desejo de tornar a paz sonhada em uma relação de amor desenfreada.
Amor que se mistura entre coração mente e braços que se abraçam como quem deseja ser aquecido em meio ao mundo frio chamado terra de ninguém.
Enquanto o mundo vive como quem não tem dono, como se o maior fosse o mais forte enquanto que o mais fraco é aquele que sofre a pressão de toda a tensão de quem vive a solidão.
Em meio a gemidos e gritos de dor que se espalham pela terra, os corpos se entrelaçam silenciosamente, mais e mais como se um só corpo houvera dançando em meio a primavera.
A intensidade da dança é como o brincar de uma criança que se esquece do tempo sem ouvir a voz de quem lhe chama.
O calor da dança de dois corpos a se envolver, aumenta o calor que se torna em labaredas desde à noite ao amanhecer, queimando cada corpo em seu intimo que em pequenos toques se desfazem em pequenos cubos de amor exalando todo seu aroma em gotas de suor.
Essa dança é de quem combate o mundo violento com seus corações em chamas, se deixando pela dança do amor se levar enquanto uma linda melodia os ensina a amar.
Neste aposento chamado mundo, onde o leito é tomado pela dor, é preciso dar-se um jeito de dançar a dança do amor.

andre luiz couto

Foto de Joaninhavoa

Indepentente de tudo e de todos o movimento
a pouco e pouco entranha... e faz-se vivo
em todo seu esplendor! Ele vai para o pico
como uma linha a subir um gráfico
estaciona a certa altura estonteado de prazer
e ganha forças para voltar a subir...
E este movimento dançante torneado
por um sentimento ajuzante tão apurado
de cima para baixo pode ser o jeito
de dançar a dança do amor!

(aqui fica lançado um pensamento em resposta
ao seu proclamado que tanto gostei... )

Abraço poético,
Joaninhavoa
17/05/2010

Joaninhavoa

Foto de andre luiz couto

Meus olhos percorrem o teu corpo
A sua feminilidade é deslumbrante
O teu erotismo amarra-me como um
Barco num porto
Tua boca diz-me que sou teu amante
Danças como uma deusa em cima da cama
Cada gesto teu fala de amor
Dizes frases eroticas sem ter a certeza
Que aos homens causas grande dor
Com um soriso que me faz sonhar
Mandas-me beijos e deixas-me sofrer
Danças e fazes os teus seios abanar
Fico mudo não sei mais que dizer...

( _Deixo aqui a resposta dos meus pensamentos insanos....)

(“No silêncio da noite houve um frufru nervoso.

Apenas minha mão que, abrindo ala entre rendas,

Buscou teu seio como um pássaro medroso.

Foi tão leve a carícia que te fiz,

Tão medrosa, tão cheia de segredos,

Que foi surpreso que senti, feliz,

Teu corpo estremeceu ao toque dos meus dedo.

andre luiz couto

Foto de andre luiz couto

Delicia seu calor perceber, o tremor de sua carne sentir, me fazendo as forças esvair como que sobre seu corpo meu corpo fosse cair.

andre luiz couto

Foto de Joaninhavoa

«... e você inclina a cabeça sobre meu peito motivado,
você maestro por intuição põe tudo coordenado
atiça meus músculos erectos desencadeia iguarias
sem par... frescas e belas! Sequiosas
por derramar...»

Joaninhavoa
17/05/2010

Joaninhavoa

Foto de andre luiz couto

andre luiz couto \Joaninhavoa

andre luiz couto

Foto de andre luiz couto

TE ENLOUQUEÇO DE PRAZER,
ME ENLOUQUECE TAMBÉM...
SOMOS INSANOS, DESVAIRADOS
LOUCOS APAIXONADOS!

andre luiz couto