Frases e Citações

Saudades (D. Francisco Manuel de Melo)

Foto de Patrícia
Autor: 

Serei eu alguma hora tão ditoso,

Que os cabelos, que amor laços fazia,

Por prémio de o esperar, veja algum dia

Soltos ao brando vento buliçoso?

Verei os olhos, donde o sol formoso

As portas da manhã mais cedo abria,

Mas, em chegando a vê-los, se partia

Ou cego, ou lisongeiro, ou temeroso?



Verei a limpa testa, a quem a Aurora

Graça sempre pediu? E os brancos dentes,

Por quem trocara as pérolas que chora?

Mas que espero de ver dias contentes,

Se para se pagar de gosto uma hora,

Não bastam mil idades diferentes?

D. Francisco Manuel de Melo (1608-1666)

Comentários

3
Foto de P.Stênio

não sei o que acontece cmg
cada vez que o vejo
tem horas que é tudo que
espero,tudo que anseio,
tudo que desejo.
mas tem horas que você
me parece tão distante,
tão dificil,impossivel
ao meu olhar e ao meu toque.
não sei se te desejo,se te kero...
so sei que você me confunde
me eleva ao céu,e as vezes me
condena as sombras da solidão,
não sei como faz,mas você
me cativa,me inspira e me fascina.

Foto de cle

apenas a distância esta contra nós, menos ao nosso amor.
por que ele corresponde as floteiras do universo.
eu não quero te confudir apenas mostrar o que eu sinto, pelo menos ter alguém que mim entenda, que ainda não encontrei esse alguém...
quando mim sinto longe, apenas pense que estarei perto, que sempre estarei ai do seu lado...
todas as noites antes de dormir eu penso muito em ti, querendo esta ao seu lado, para tocala e beija-la, sintir o seu calor humano, é a mesma coisa quando eu acordo, sinto a mesma coisa, por isso que sinto muito a sua falta, e gostaria de está com vc, e não te confudir!!!
quero alguém que mim compreeda, e não quero que ninguém sofra por mim, so penso que alguém tenha uma grande lembra de mim!

.....................

Foto de Marta Peres

Parabéns Poeta!
Muito lindo: Saudades!