Castelo sombrio...

Foto de Carmen Lúcia

Serra as celas...
Quebra as correntes
destrava armaduras
aponta envergaduras
liberta meu medo
revela os segredos
reinantes nesse castelo
sombrio e belo
onde o mistério
impõe sua lei
esconde o amor
rainha sem rei
constrói um império
de fardo e de dor...

Serra as celas...
A lua apontou
estrelas fulguram
presságios de amor...
prenúncio de sol
aurora, arrebol
enchendo o vazio
de um castelo sombrio
sem luz, nem calor...

Serra as celas...
Deixa passar o tempo
abre portas e janelas
que o vento leve mazelas
e deixe , de mansinho,
entrar o Amor!

(Carmen Lúcia)

Comentários

2
Foto de ANACAROLINALOIRAMAR

Gostei do seu poema.
Mas sabe que fui lendo a sequencia dele
e fiquei sem ar....
Acho que é sobrio mesmo...(risos)
Meu voto com louvor ficou otimo....
Mas me tirou o ar ....
Entendi sua msg.
Abraços

Foto de Carmen Lúcia

Que malvadeza fiz contigo!Não coloquei pontuação, propositadamente...e tu leste até o final, sem respirar.(mas vou te falar bem baixinho, no ouvido...podia dar uma respiradinha, parar um pouquinho...rsrsrs)

Faço-te um convite especial, para me retratar.Convido-te para o "Desfile das Flores", que tem tudo a ver contigo...rs.

Beijão no coração!

Carmen Lúcia