JÚRIS DA RAZÃO

Foto de Henrique Fernandes

.
.
.

Procuro encontrar um novo estilo
Que sirva de machado para rachar
As portas dos confins do meu covil
Iluminado por uma luz de penumbra
Esventrando o sabor seco da sede
Escavo túneis com mãos de misericórdia
Na vontade que esculpe o que não quero
Ser selvagem domesticado da irreverência
Subsisto em batalhas entre o ser e não ser
Feito na envergadura brilhante das estrelas
Sem esgotar os elementos, júris da razão
Como gente sou componente da vida
Garantindo marcar a minha passagem
A minha alma é uma assembleia de fés
Sossegando o sentido sem opostos
Nos pontos cardeais apagados

Comentários

1
Foto de Lu Lena

Lindo. Profundo e reflexivo...
enigmático e misterioso.
Gostei !
meu voto e meu carinho
Lu