Estupro?

Foto de Carmen Lúcia

Chegaste sem eu saber,
Entraste sem nem bater,
Ocupaste meu espaço
E pretensiosamente
Acariciaste meu regaço.
Envolveste-me febrilmente
Em teus delírios e prazeres,
Em teus abraços, teus laços,
Descontroles e quereres.
Aguçaste meus desejos
Dissimulados, adormecidos...
Violaste o meu querer
Penetrando meu ser
E nele deixando marcas,
Satisfazendo teu instinto,
Animal, irracional, brutal.
Vi-me encurralada,
E apaixonada...
Perdidamente enamorada
E trêmula de prazer...
Não achei saída,
E num sôfrego
Me rendi
À tua sedução...
Minha perdição!
Sufocaste meu grito
Abafado por teu gemido
A ressoar aturdido...
Saíste sem bater a porta
Lançando um olhar atrevido.
Um bandido!Um ladrão!
Que rouba sonhos,
E destrói ilusão!

Comentários

1
Foto de Albino Santos

Minha doce Poeta!
Muitas vezes ao amor sucede a desilusão...
Mas na vida, tudo renasce e se renova! Até o Amor!!!

O teu poema está perfeito...

Um terno abraço
(Albino Santos)

A.S.