UM GRITO QUE DEVE ECOAR.

Foto de Edson Milton Ribeiro Paes

UM GRITO QUE DEVE ECOAR”

Houve um tempo em que o grito não podia ser ouvido…

E toda manifestação de revolta era severamente coibida…

As vozes eram suprimidas no calar da noite…

E o silencio ignóbil tomava conta de toda insurgência intelectual!!!

Todo ser pensante tinha seus passos detalhadamente anotados, e suas ações anuladas…

O Pais mergulhou na mais insensata falta de informação…

Foi promovida com extrema competência, a ignorância,

Onde quem sabia era punido, e quem flanava nos ares da truculência e da falta de escrúpulos administrativos, usufruía das benesses da corrupção, espalhando toda sorte de impropérios "legais", habilmente forjados para beneficio dos aliados…

Aos amigos tudo, e da melhor maneira possível, e ao cidadão comum, os rigores da lei, condecendentemente ajeitada para privilegiar os algozes da nação…

Esse tempo quis passar, mas a falta de informações e a insistência em um modelo arcaico e facilitador de fraudes insiste em se manter no poder…

Agora em época de transição, devemos unir forças e denunciar aos cidadãos comuns, os abusos com os quais somos forçados a conviver, aumentos abusivos e de conotação estelionataria dos parlamentares, o superfaturamento de obras, de maneira escancarada, pois sabem da ignorância a respeito de preços por grande parte da população, as verbas maquiadas que remetem a escolas, hospitais, exército, delegacias, creches e demais autarquias, comissões para liberação de verbas já depositadas em nome de entidades ,que naufragam na ignorância e na ganância dos parlamentares!!!

Todo cidadão tem o direito e o dever de escolher o lado da historia em que quer estar, do lado de quem escraviza a nação em proveito próprio, impondo a todo munícipe a conduta de um mero pedaço de carne ambulante, gerado para produzir consumo e riquezas para alguns grupos ou pessoas sem o menor interesse pelo crescimento do País,

Ou do lado da ética da decência, junto de quem quer morar em uma Nação forte e respeitável, sendo condignamente tratado pelos seus semelhantes, e podendo efetivamente apostar no futuro de seu País, para poder cuidar de seus descendentes de maneira digna e próspera.

Vamos mudar a historia da Pátria, começando por nós mesmos, sejamos melhor a cada dia, nosso vizinho com certeza nos imitará, e em pouco tempo a nação será muito melhor.

Quem muda sua historia para melhor, leva consigo muitos adeptos que com certeza levarão muito mais, para que nosso Brasil mude para muito Melhor!!!

Vida longa e decente para todos!!!

EDSON PAES

Comentários

1
Foto de Sirlei Passolongo

Ainda ontem discuti sobre isso com um aluno. Somos nós quem mudamos um país, ele não muda sozinho, portanto, temos que gritar e agir.
Parabéns pelo seu texto!

Sirlei L. Passolongo

Sirlei L. Passolongo